8 de fev de 2011

Termo de compromisso, faça o seu

Muitas vezes técnicas simples podem auxiliar no processo de perda de peso de forma bem eficiente. Porém ficamos deslumbrados com as possibilidades de perda de peso rápido, como revistas com soluções mágicas, enquanto temos vários recursos em nossas mãos, que são muito eficientes e que auxiliam a uma real mudança de peso.

Fazer um planejamento diário ou semanal pode ser uma alternativa muito bacana, que propicia resultados duradouros.

O interessante é cada pessoa poder construir seguindo um modelo que se adapte ao ritmo de vida e escolhas alimentares. O que podemos colocar nesse termo de compromisso? Pegue um papel e comece um breve rascunho e aos poucos vai agregando cada vez mais opções e propostas.

Sugestões:

- proposta do que vai comer durante o dia ou semana, já se programando para ter em casa os alimentos necessários.

- programe os exercícios físicos, de modo que lhe agrade e favoreça a perda de peso.

- trace uma meta real e possível para alcançar em três meses (lembrando-se que precisa ser maleável nesse aspecto)

O que acha de começar a construir o seu? Acrescente o que desejar e mãos a obra!

Psicóloga Luciana Kotaka

Especialista em Obesidade e Transtornos Alimentares

www.lucianakotaka.com.br

Curitiba – PR

2 comentários:

Anna disse...

acho que irei aderir essa idéia, vou escrever minhas metas e o que pretendo e depois vou seguindo sim, td q a gente se compromete de verdade fuinciona melhor, e vou afixar meu compromisso pela casa, no refrigerador e armarios de comida, na carteira tb no PC pra ir sempre me lembrando q estou msm compromissada com minha saude

8/2/11
Renata Barbosa disse...

Ola meninas... Tenho acompanhado alguns BLOGS... preciso de ajuda... preciso emnagrecer 30 kg...
EStou sem motivação, moro em salvador ha 6 meses nao tenho familiares aqui e nem amigos, e isso acaba me deixando mais desanimada...
Busco aqui amigas e motivação.. sou casada tenho dois filhos... preciso da ajuda de vcs...]


Bjus!

9/2/11
Este Blog tem a função de transmitir informação e NÃO faz parte de uma consulta com profissionais. É preciso saber que a individualidade existe e que não é tudo que funciona para todo mundo. Informe-se e procure um profissional na hora de aplicar a informação!
Obrigada a todos que passam por aqui!