24 de nov de 2009

Inteligência Emocional e Emagrecimento


Quando desenvolvemos capacidade de reconhecer e compreender nosso estado de espírito, assim como os efeitos desses aspectos em nosso comportamento alimentar, podemos criar ferramentas eficientes para desenvolver comportamentos magros adequados para manter-se magra (o).

Poder realizar uma auto avaliação e detectar quais são as situações as quais tem dificuldades de lidar, podendo desenvolver auto controle, que seria capacidade de controlar ou mesmo redirecionar esses impulsos de forma assertiva, ou seja, pensar antes de agir, e buscar outras atividades no momento de crise ou compulsão.

Se abrir para as mudanças é o passo inicial e efetivo de novas aquisições comportamentais, incluindo o desejo.

É muito comum ouvirmos pessoas dizerem o quanto querem perder peso, ou um melhor emprego, mas em contrapartida vemos a falta de iniciativa, a dificuldades em sair da zona de conforto, sair desse processo para buscar novas realizações, e isso requer muito desejo.

Outro aspecto a ser alcançado é a auto motivação, algo imprencidível para alcançar resultados, ter energia, determinação na busca de um corpo saudável e confortável.

Se auto avaliar, traçar metas, desenvolver estratégias e ter desejo, irão te fortalecer nesse processo tão delicado que é cuidar de você e de sua saúde.



Luciana Kotaka -Psicóloga Clínica

0 comentários:

Este Blog tem a função de transmitir informação e NÃO faz parte de uma consulta com profissionais. É preciso saber que a individualidade existe e que não é tudo que funciona para todo mundo. Informe-se e procure um profissional na hora de aplicar a informação!
Obrigada a todos que passam por aqui!