19 de jul de 2011

Comportamento magro

Dicas de como se comportar magro em um mundo gordo

Por Luciana Kotaka, em 22/05/2011 14:45

Vivemos a ilusão de que o peso magro traz a felicidade, e consequentemente a busca por esse objetivo se tornou uma meta para milhares de mulheres.

O caos se instalou na nossa sociedade, a busca do corpo magro, esbelto e malhado. Mulheres e homens obcecados pela idealização de alcançar esse corpo escultural, não percebem que a solução, depende somente de comportamentos que escolhemos ter em nosso dia a dia, quando nos relacionamos com a comida.

Desenvolver comportamentos magros é o primeiro passo para perdermos peso, e tornarmos a manutenção do corpo magro concreto. Esse processo exige a aprendizagem de novas condutas de comportamento.

Vamos em busca de mudanças?

- Metas realistas servem para que se tenha tempo de se familiarizar com novas propostas alimentares, e não desista com facilidade. Coloque um prazo, e se proponha a perder peso devagar, conseguindo assim, manter o peso perdido, a cada mês. Lembre-se, perder peso é fácil, o difícil é mantê-lo;

- As trocas devem ocorrer de forma consciente. Não sinta pena de você pelas suas escolhas, pense que é uma opção sua alcançar o peso que fará sentir-se bem, e esse processo, depende somente de seus comportamentos em relação à comida;

-Quando sentar-se para comer, ao abrir a geladeira, lembre-se de se perguntar: Estou com fome, ou estou com vontade de comer?

- Fome é uma sensação estranha, que você sente na barriga. Alguns relatam que é como se as paredes do estômago se encostassem de tanta fome (ou nó no estomago); e vontade de comer, é aquela sensação sem explicação certa, aí você come, come outra vez, e a sensação de querer continuar a comer, não passa.

- É importante pensar, e caso seja só vontade de comer, experimente um banho relaxante, dar aquele telefonema para uma amiga que há tempo não vê, tome um copo de água, converse com os filhos, marido, namorado, e pense no que está sentindo, para que não use a comida de forma a engordar e satisfazer uma necessidade que não é a de nutrição e sim de amenizar alguma sensação ruim ou situação desagradável que está sentindo no momento;

- Se condicione a anotar todas as suas refeições, o horário, a quantidade, e com quem está, com o objetivo de identificar os sentimentos relacionados com a quantidade de comida ingerida, e a situação ao qual se encontra na hora de comer;

- Aproveite todas as oportunidades de subir escadas, e aproveite para caminhar. Uma boa estratégia é levar seu cão para passear, ande de bicicleta, dance, entre outras atividades que lhe dão prazer.

Esse processo de aquisição de novos comportamentos ajudará a desenvolver um repertório de estratégias, do qual aplicará em sua rotina alimentar, de forma adequada a sua realidade, assim emagrecendo e mantendo o peso almejado. Este trabalho visa cuidar das questões emocionais relacionados com o sobrepeso/obesidade.

Lembre-se, não existe mágica, existe sim, a opção de se buscar uma melhor relação com seu peso, com você e com sua autoestima.

http://www.dicasdemulher.com.br/comportamento-magro/

0 comentários:

Este Blog tem a função de transmitir informação e NÃO faz parte de uma consulta com profissionais. É preciso saber que a individualidade existe e que não é tudo que funciona para todo mundo. Informe-se e procure um profissional na hora de aplicar a informação!
Obrigada a todos que passam por aqui!