11 de nov de 2009

Bicicleta x Elíptico: Qual o melhor?


Você está na dúvida sobre qual aparelho melhora sua performance? Saiba mais sobre cada modalidade e faça a escolha certa!


A escolha por um ou outro exercício dependerá de uma avaliação física e de uma conversa com seu médico e professor de educação física, pois eles saberão te informar como está o seu condicionamento físico ou se existam alguns fatores limitantes, como lesões nas articulações.

Evidencia-se também o papel importante da aferição da freqüência cardíaca durante a prática do exercício físico, variando as intensidades, proporcionando ao organismo períodos de treinamento mais intenso e períodos menos intenso, para facilitar a recuperação das reservas de energia gasta durante as atividades.

Dependendo desses resultados, o profissional de Educação Física poderá indicar, de maneira mais segura, o exercício, bem como a carga, a velocidade e o tempo de duração da atividade.

Para cada nível de condicionamento físico recomenda-se a prática de determinadas atividades, com o intuito de adaptar as pessoas a prática do exercício físico de forma segura, eficiente e sem o risco de lesionar alguma estrutura envolvida na prática da atividade física.

VANTAGENS E DESVANTAGENS

ELÍPTICO
* Gasto energético: 700 kcal/hora.

* Músculos trabalhados: glúteos, coxas e panturrilhas.
* Vantagens: é considerado um exercício de baixo impacto, portanto, não oferece riscos às articulações, e tem um gasto calórico superior aos demais.
* Desvantagens: o exercício propicia uma tensão maior na parte postural e na posterior, o que pode acarretar em dores musculares.
* Movimento certo: evite o movimento somente com as pontas dos pés e mantenha os joelhos alinhados com o quadril. A coluna deve permanecer reta, mas pode-se inclinar um pouco o tronco para reforçar o exercício na região dos glúteos. Mantendo a região abdominal sempre contraída.

BICICLETA


* Gasto energético: 350 kcal/hora.

* Músculos trabalhados: coxas e glúteos.

* Vantagens: é considerado um exercício de baixo impacto, mesmo variando a carga, e causa benefícios na circulação e no aparelho respiratório.

* Desvantagens: a bicicleta sem apoio pode gerar desconforto. Por isso atenção na sua execução.

* Movimento certo: o banco precisa ficar na altura do quadril. O joelho deve permanecer semiflexionado quando o pé estiver embaixo e, com o pedal para cima, forme um ângulo de 90º. Tanto faz apoiar as mãos no guidão ou apoiar os cotovelos, desde que se mantenha a coluna reta. Relaxe os braços e o pescoço.


Para se obter bons resultados nessas modalidades, não hesite em procurar um profissional de educação física para melhor lhe orientar.

Vânia Almeida - Educadora Física
www.cuidandodocorpo.blogspot.com


Esporte & Lazer - Submarino.com.br

0 comentários:

Este Blog tem a função de transmitir informação e NÃO faz parte de uma consulta com profissionais. É preciso saber que a individualidade existe e que não é tudo que funciona para todo mundo. Informe-se e procure um profissional na hora de aplicar a informação!
Obrigada a todos que passam por aqui!